Rei das poles, Vettel quer deixar matemática para depois

Sebastian Vettel confirmou o favoritismo e cravou a pole position para o GP de Abu Dabi, o último e decisivo da temporada de 2010. Mas o alemão da Red Bull sabe que suas chances de conquistar o título diminuíram depois da terceira colocação de Fernando Alonso no treino de classificação. Agora, ele quer apenas fazer seu papel e deixar a matemática para depois da corrida deste domingo.

AE, Agência Estado

13 de novembro de 2010 | 13h29

"Vou tentar ganhar a corrida e sei que tenho condições para isso. Largo na pole e meu carro está fantástico aqui. Esse será o meu papel amanhã (domingo). Depois faremos as contas", disse Vettel, dono do maior número de poles em 2010: dez.

Para ser campeão, Vettel tem que ganhar a prova nos Emirados Árabes e torcer para que Jenson Button, quarto colocado, e o companheiro de equipe Mark Webber, quinto, ultrapassem Alonso e façam com que o espanhol termine no máximo na quarta posição.

Vettel chegou a Abu Dabi na terceira colocação do Mundial, com 231 pontos, sete a menos que Webber e 15 a menos que Alonso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.