Renault anuncia primeiro patrocinador após escândalo

Fabricante de relógios fecha acordo com a equipe francesa pelas próximas três temporadas da F-1

AE, Agência Estado

28 de outubro de 2009 | 10h47

LONDRES - A Renault anunciou nesta quarta-feira que fechou seu primeiro contrato de patrocínio na Fórmula 1 desde setembro deste ano, quando eclodiu o escândalo de manipulação do GP de Cingapura de 2008. A nova parceira da escuderia é a empresa alemã TW Steel, fabricante de relógios.

Veja também:

especialESPECIAL - Jogue o Desafio dos Pilotos

blog BLOG DO LIVIO - Leia mais sobre a F-1

O acordo entre a marca alemã e a montadora francesa será válido por três temporadas, o que deve diminuir os boatos sobre a saída da equipe da Fórmula 1. Detalhes financeiros não foram divulgados, mas a nova parceira já deve estar presente nos carros da Renault durante o GP de Abu Dabi, no fim de semana.

Desde que o escândalo da manipulação de resultados veio a público, a Renault perdeu alguns de seus principais patrocinadores. Empresas como o banco holandês ING e a seguradora espanhola Mutua Madrileña que romperam contrato devido à repercussão negativa do caso.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1RenaultTW Steel

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.