Renault deve definir dupla de equipe na próxima semana

A Renault deve definir na próxima semana os seus pilotos para a temporada 2009 da Fórmula 1. A permanência de Fernando Alonso, mesmo ainda não sendo oficial, é dada como certa. Já o mistério sobre o segundo piloto é maior. Ainda não foi tomada nenhuma decisão, mas a escolha deve ficar entre Nelsinho Piquet, Lucas di Grassi e Romain Grosjean. Questionado sobre seu futuro, Fernando Alonso preferiu adiar por mais algum tempo a revelação do seu destino em 2009. "Já decidi onde vou correr. Fiquei feliz e vou anunciar na próxima semana", afirmou. Nelsinho Piquet, atual companheiro de Alonso, acredita que vai permanecer na Fórmula 1. "Estou confiante sobre o futuro", disse o brasileiro, que já foi criticado por Flavio Briatore, chefe da equipe Renault, por seu desempenho no ano de estréia. Piloto de testes da Renault, Lucas di Grassi garante que ainda não há nada definido. "Não sei de nada. Nenhuma novidade nas últimas semanas. Existem alas dentro da Renault que querem Grosjean. Existem alas que me querem e outras alas que preferem o Nelsinho", comentou o piloto de testes da equipe Renault. Di Grassi garante que ainda não negocia com outras equipes. "Soube do interesse da Toro Rosso e da Honda, mas nada de concreto", disse. Porém, deixou claro que pretende estar na Fórmula 1 em 2009. "Meu objetivo é subir, em qualquer equipe". No entanto, o piloto brasileiro já tem um plano B para a próxima temporada. "Se não der certo, vou ser piloto de testes. Não necessariamente na Renault. Tenho como opção mais uma temporada na GP2. Pela boa temporada que fiz, todas equipes estão interessadas em mim".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.