Revista revela bate-boca na Ferrari

"Nós temos que tomar muito cuidado para quando a corrida recomeçar. Digam a Michael (Schumacher) que não me crie problemas?. Este foi o pedido explícito de Rubens Barrichello ao box da Ferrari no GP da Malásia, há duas semanas, sob chuva e com o safety car na pista, que acabou sendo revelado hoje pelo semanário Autosprint. Schumacher ignorou a recomendação; ultrapassou o brasileiro e abriu uma crise interna na equipe italiana. De acordo com a publicação, o interlocutor de Rubinho naquele momento era o diretor técnico da Ferrari, Ross Brawn. "Nós comunicamos o Schumacher, porém, logo depois Rubens teve Jarno Trulli à frente e Michael aproveitou para passar por fora?, explicaria Ross Brawn depois.Ainda de acordo com a revista, Schumacher reagiu com irritação à atitude de Barrichello e deu um conselho ao brasileiro. "O que aconteceu que lhe sirva de lição. Agora ele sabe que em suas conversas via rádio com o pessoal do box, convém falar apenas de sí mesmo?, teria advertido Schumacher.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.