Ricciardo confia em pódio da Red Bull em GP de Silverstone

Companheiro de Vettel, o piloto australiano foi o único piloto da escuderia austríaca a vencer uma corrida da atual temporada

Agência Estado

25 de junho de 2014 | 15h33

Depois da corrida ruim que fez no último domingo, no circuito de Spielberg, na Áustria, a Red Bull irá se recuperar e disputar um lugar no pódio na próxima etapa da Fórmula 1, o GP da Inglaterra, dia 6 de julho, em Silverstone. Pelo menos é o que espera o australiano Daniel Ricciardo, um dos pilotos da equipe.

Na Áustria, o fim de semana da Red Bull já não começou bem no treino de classificação de sábado. Apesar de Ricciardo ter conseguido o quinto lugar no grid, seu companheiro de equipe, o alemão Sebastian Vettel, não passou para a Q3 (terceira e última etapa da sessão) e largou apenas na 12ª posição. Durante a corrida, o australiano perdeu três posições e terminou em oitavo, enquanto o outro piloto da equipe abandonou a prova.

O australiano admitiu que os rivais da Red Bull tiveram uma maior evolução durante o fim de semana na Áustria, mas afirmou que o maior problema da equipe foi com o acerto do carro. "Nós esperávamos ser mais rápidos em Spielberg e tínhamos como objetivo ficar pelo menos entre os cinco primeiros, mas não conseguimos nos acertar", lamentou o piloto de 24 anos.

Ricciardo explicou que o fato do circuito da Áustria ter mais retas que a média da temporada da Fórmula 1 prejudicou sua equipe. "Trata-se basicamente da porcentagem de retas em relação às curvas. Como todos sabem, este ano nós estamos perdendo tempo nas retas, e o recuperamos nas curvas, que eram poucas em Spielberg", analisou.

O piloto da Red Bull, no entanto, acredita em uma melhor performance na próxima corrida. "Silverstone é um circuito mais favorável para nós. Temos que aprender com os erros que cometemos na Áustria, mas acredito que estaremos lutando entre os cinco primeiros com chances de pódio", afirmou Ricciardo.

A Red Bull é atualmente a segunda melhor equipe no Mundial de Construtores da Fórmula 1, com 143 pontos, atrás da Mercedes, que tem 301. Entre os pilotos, Ricciardo está na terceira colocação com 83 pontos, 82 a menos que o líder, o alemão Nico Rosberg (Mercedes), enquanto Vettel está em quinto, com 60.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.