Christof Stache/AFP
Christof Stache/AFP

Ricciardo diz que renovação com a Red Bull será acertada até o GP da Bélgica

A tendência é que renove por duas temporadas e tenha um contrato com a mesma validade de seus principais concorrentes

Estadão Conteudo

02 Agosto 2018 | 14h56

O australiano Daniel Ricciardo se mostrou tranquilo sobre seu futuro na Fórmula 1. O piloto acredita que acertará a renovação de contrato com a Red Bull antes do GP da Bélgica, próxima etapa da competição que será realizada em 26 de agosto.

+ Piloto reserva da Mercedes quebra recorde não oficial na Hungria

"Devemos acertar tudo até Spa (circuito de Spa-Francorchamps). O anúncio deve ser feito neste intervalo ou na própria semana da corrida. Faltam só uns pequenos ajustes", informou em entrevista ao site da Fórmula 1. "Está tudo bem, vocês vão ter notícias em breve", emendou.

Ricciardo vinha com futuro incerto no início da temporada, mas as duas vitórias na nos GPs da China e de Mônaco reaproximaram o piloto da Red Bull e esfriaram os ânimos de eventuais concorrentes que cogitavam o piloto.

A duração do acordo segue como incógnita. A tendência é que renove por duas temporadas e tenha um contrato com a mesma validade de seus principais concorrentes na categoria, o inglês Lewis Hamilton, o alemão Sebastian Vettel e o companheiro de equipe, o holandês Max Verstappen. Com isso estenderia sua permanência na Red Bull para sete temporadas e faria 13 no total com a atual escuderia.

As cinco corridas em sequência nos últimos seis finais de semana não foram muito boas para Ricciardo. Ele somou 34 pontos nesse período, sendo inferior aos 37 pontos que conseguiu marcar nas duas corridas anteriores.

O australiano sequer finalizou duas dessas etapas. No GP da Áustria, abandonou por conta de problemas mecânicos. Na Alemanha, sua corrida foi comprometida após a equipe ter feito mudanças nos componentes do motor, em uma tentativa de ficar livre de penalidades na corrida seguinte, na Hungria. Mesmo assim ele abandonou com problemas na unidade de potência. Em Budapeste, no último domingo, Ricciardo terminou em quarto lugar.

"Será um bom momento para o intervalo", disse ele. "Eu preciso de algum tempo longe do carro. Estou ficando frustrado com esses problemas. Provavelmente será saudável para mim ter um pouco de folga", finalizou.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.