Robert Kubica não quer pensar numa futura transferência

Piloto da BMW Sauber afirma que está concentrado para tentar desbancar Lewis Hamilton no Mundial

AP,

20 de agosto de 2008 | 17h12

O polonês Robert Kubica quer se concentrar apenas na disputa do Mundial de Fórmula 1. Treze pontos atrás do líder Lewis Hamilton, da McLaren, o piloto da BMW Sauber disse que não está preocupado com uma possível transferência para a Ferrari, em 2009. Veja também: Blog do Lívio Oricchio: Notícias e bastidores da F-1 Classificação e calendário do Mundial "Para mim, o mais importante é estar feliz com o que faço", disse Kubica, que tem 49 pontos no mundial. "Existem muitos pilotos que esperam uma vitória [no GP da Europa, em Valência-ESP, neste domingo]. Eu quero realizar uma boa prova." Para o ex-campeão Damon Hill, Kubica se tornará uma potência da Fórmula 1 quando tiver um carro adequado (Ferrari ou McLaren). "Ficarei surpreso se essas equipes não quiserem contar com o polonês na próxima temporada", explica Hill. Kubica tornou-se personalidade na Polônia. O piloto conta que evita visitar o país para não sofrer com o assédio. "É triste, mas não tenho mais liberdade. Não posso sair nem cinco minutos na rua que alguém já me pára e puxa conversa."

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1BMW SauberRobert Kubica

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.