Iara Morselli/ESTADÃO
Iara Morselli/ESTADÃO

Rubinho confirma desligamento da Globo após dois anos na F-1

Ex-piloto se despede da emissora em que trabalhou como 'repórter' nas últimas temporadas sem definir seu futuro no automobilismo

O Estado de S. Paulo

24 de outubro de 2014 | 15h09

O ex-piloto brasileiro de Fórmula 1, Rubens Barrichello, encerrou nesta sexta-feira seu compromisso com a Rede Globo na função de 'repórter' da emissora na cobertura da temporada. Desde que deixou a categoria, Rubinho assumiu a função na emissora que transmite as provas da F-1. Tornou-se comum ver o ex-piloto entrevistar seus colegas da F-1, engenheiros e donos de escuderias em dias de provas.

Paralelamente a esse trabalho, Rubinho ainda corria na Stock Car. Nesta sexta-feira, ele usou sua conta nas redes sociais para se despedir oficialmente do trabalho na Globo.

"Galera … Eu só tenho a agradecer estes dois anos de aprendizado especialmente ao Galvão (Bueno), Reginaldo (Leme), Burti, Mari Becker, Courege, Jaime Brito e ao Câmera Baiano (figuraça). Fazer o grid ao vivo era uma loucura, mas adrenalina pura e muito divertido. Com a Globo eu tinha um contrato de corridas e este contrato acabou. Tenho outros planos. Pra aqueles que dizem que o problema era ter namorado a Mercedes, primeiro nao namorei… Segundo, a Mercedes é a antiga Brawn, portanto, falo com eles toda hora. E terceiro, se eu tivesse namorado e eles tivessem me chamado pra correr, eu poderia porque tinha cláusula no meu contrato que me permitia correr de F-1 caso convidado. Enfim tudo certo. Abrassss"

Barrichello ainda não adiantou seus planos para a próxima temporada, se pretende continuar correndo nas fórmulas nacionais ou se tem outros projetos relacionados ao automobilismo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.