Rubinho: Schumacher não é adversário

?Meu campeonato não contra o Schumacher. É comigo mesmo e contra todos os outros pilotos que integram a Fórmula 1?. A afirmação foi feita nesta terça-feira pelo piloto brasileiro Rubens Barrichello, em entrevista coletiva realizada em São Paulo, ao comentar o fato de, pela primeira vez em três anos de Ferrari, ficar empatado com o alemão na classificação do Mundial. Ambos somam oito pontos. Rubinho garante não haver uma competição interna e que os dois pilotos estão trabalhando para que a Ferrari vença sempre. Numa demonstração de que o ambiente entre os dois está muito bom, Rubinho chegou até a brincar com o alemão, que na quarta-feira vai jogar futebol com os jogadores do Santos, na Vila Belmiro. "Queria até convocar os jogadores do Santos para chegarem junto. Não precisa ter receio, não!. Pode bater à vontade. Pode dar nele...", brincou. O piloto disse ainda que está mais adaptado ao ?Hans? - equipamento de segurança que a FIA tornou obrigatória e que ele criticou duramente nas últimas semanas. ?Em Barcelona a gente fez algumas modificações no aparelho e já estou mais adaptados?, disse. Rubinho diz não temer que o equipamento possa vir a prejudicar seu desempenho no GP do Brasil. Segundo ele, o mais importante é não valorizar demais o problema. ?A parte mental deve superar?, ensina.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.