Rússia pode ter prova de Fórmula 1

Dentro de dois ou três anos, a Rússia poderá sediar uma corrida de Fórmula 1, disse nesta sexta-feira o presidente da FOA (Formula One Association), Bernie Ecclestone. Para isso, seria necessário construir um novo circuito perto de Moscou, capital do País."Se as pessoas envolvidas no projeto cumprirem a promessa de construir um autódromo moderno nos próximos dois ou três anos, faremos a corrida. Mas tudo vai depender das circunstâncias. Deixe que construam a pista primeiro, depois veremos quando podemos fazer uma corrida", revelou Ecclestone.Os russos têm investido alto para sediar a categoria. Em novembro último, o governo de Moscou firmou contrato de US$ 100 milhões com Tom Walkinshaw, dono da Arrows, para construir um circuito na Ilha de Nagatino, alguns quilômetros ao sul do centro da cidade. A previsão é de começar os trabalhos até a metade do ano e terminá-los dentro de dois anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.