Divulgação/Sauber
Divulgação/Sauber

Sauber inova e nomeia mulher como diretora de equipe

Monisha Kaltenborn estava na escuderia desde 1998, e ocupava a chefia do departamento jurídico

AE, Agencia Estado

08 de janeiro de 2010 | 11h43

Quando anunciou a volta de sua equipe à Fórmula 1, Peter Sauber prometeu que iniciaria uma nova fase. Nesta sexta-feira, ele deu um indício de que pretende mesmo inovar, e nomeou Monisha Kaltenborn como diretora administrativa. O cargo é o mais alto já ocupado por uma mulher na categoria.

"A Fórmula 1 está em mudança constante. Essa nova divisão de responsabilidades não apenas atende às demandas do esporte, como também oxigena a empresa", disse Sauber, que voltou ao comando de sua escuderia após a saída da BMW do Mundial.

Monisha Kaltenborn estava equipe desde 1998, e ocupava a chefia do departamento jurídico da Sauber. Ela atuará comandando as ações na fábrica em Hinwill, na Suíça, e não deve aparecer durante os finais de semana de corrida.

Além de nomear a primeira mulher para um cargo de direção na Fórmula 1, Peter Sauber designou seu filho, Alex, para o comando do departamento de marketing. Jurg Flach será o diretor de operações, comandando os setores de produção e desenvolvimento da escuderia.

Embora tenha anunciado vários integrantes de seu quadro técnico e diretivo, a Sauber ainda não confirmou quem será o segundo piloto da escuderia em 2010. O japonês Kamui Kobayashi ainda aguarda um companheiro de equipe - Giancarlo Fisichella, Nick Heidfeld e Pedro de la Rosa são os favoritos ao posto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.