Schumacher, de novo, perto de recorde

Michael Schumacher pode quebrar mais um recorde domingo. Até agora venceu, neste campeonato, nove vezes em 12 etapas disputadas. A marca iguala seu desempenho em 1995, 2000 e no ano passado, além de Nigel Mansell, com Williams, em 1992. Se o alemão ganhar o GP da Hungria, estabelecerá 10 vitórias na mesma temporada, mais um resultado não obtido por ninguém nos 53 anos de história da Fórmula 1. Já o lado empresarial do piloto, as organizações Schumacher, estão com um problema. O coordenador do fã-clube oficial de Michael Schumacher, o alemão Jürgen Dilk, está sob suspeita de falcatruas. Dilk patrocinou o piloto no início de carreira e é, ou era, um dos seus homens de confiança. Pesa contra Dilk, um empresário do ramo de máquinas de jogos de sorte ou azar, a suspeita de desviar dinheiro da instituição, bem como comercializar, por conta própria, produtos não oficiais, portanto piratas.

Agencia Estado,

15 Agosto 2002 | 15h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.