Schumacher descarta correr na MotoGP

Michael Schumacher, heptacampeãomundial de Fórmula 1 aposentado, não tem planos de tentarrepetir em uma moto o sucesso que conquistou sobre quatrorodas, apesar de ter ficado em quarto lugar em sua primeiracorrida oficial de motos. O alemão de 39 anos, cujos sete títulos mundiais e 91vitórias são recordes na Fórmula 1, registrou a segunda melhorvolta em uma prova da KTM no circuito italiano de Misano, nodomingo passado. "Não pretendo ser o novo Casey Stoner ou Valentino Rossi",disse Schumacher à Reuters em entrevista na quarta-feira,referindo-se a dois importantes pilotos da MotoGP. "Não pretendo ter uma segunda carreira. Se fosse, eu teriafeito isso 20 anos atrás." Schumacher, que testou uma moto Ducati usada na MotoGPalgumas vezes depois de ter se aposentado da Fórmula 1 no fimde 2006, pilotou uma KTM 990cc Super Duke na corrida de 10voltas de domingo. Ele terminou em terceiro no treinoclassificatório de domingo. Mas o alemão disse que estava surpreso por seu sucesso noúltimo fim de semana. "Moto é um assunto completamente diferente. Mudar de duaspara quatro rodas não é tão difícil até certo ponto, mas otrabalho duro e os riscos começam depois disso."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.