Schumacher destaca evolução da Mercedes na Austrália

O resultado pode não ter sido dos melhores. Após se envolver em acidente com Jenson Button e Fernando Alonso no início do GP da Austrália, neste domingo, o heptacampeão mundial Michael Schumacher fez uma corrida de recuperação e terminou em décimo, somando apenas um ponto. Mas para o piloto alemão, o que ficou da prova foi a notória evolução da Mercedes.

AE, Agência Estado

28 de março de 2010 | 09h17

"Passei parte da corrida lutando pelas últimas colocações, mas me diverti com nosso ritmo de hoje (domingo). O carro foi promissor em uma parte da corrida, quando andávamos mais rápido do que os primeiros colocados. Levaremos esse sentimento bom para a próxima corrida", celebrou o alemão.

Embora satisfeito com o desempenho do carro, Schumacher não deixou de lamentar o acidente deste domingo. "Poderia ter tido uma grande corrida, foi uma pena bater logo no início. O incidente decidiu minha prova. Mas essas coisas acontecem", ponderou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.