Schumacher diz que 'Barcelona será um teste importante'

O alemão Michael Schumacher, heptacampeão mundial de Fórmula 1, afirmou que o trabalho da escuderia Mercedes, com a qual disputará o Mundial neste ano, "segue conforme o previsto" e acrescentou que os treinos de Barcelona na próxima semana serão "um teste importante para comprovar o rendimento".

EFE

19 de fevereiro de 2010 | 19h07

Schumacher, que obteve nesta sexta-feira o quinto melhor tempo no circuito de Jerez (Espanha), se declarou satisfeito, em seu site, com o andamento dos trabalhos após o encerramento da sessão, na qual deu 79 voltas e marcou um tempo de 1min21s437.

Apesar de ficar a mais de dois segundos do australiano Mark Webber (da equipe Red Bull), o mais rápido do dia (1min19s299), Schumacher acredita que a equipe Mercedes caminha na direção correta. "Foi ótimo poder pilotar (nos treinos de Jerez) durante muitas voltas seguidas. Estamos de acordo com o programa, mas sabemos que ainda há muito trabalho pela frente".

Barcelona será a última oportunidade para testar os carros antes do início do Mundial em Bahrein, em 12 de março. "Na próxima semana, Barcelona será um teste muito importante para todos nós e nos dará mais informações sobre o potencial de nosso carro", afirmou o piloto alemão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.