Schumacher diz que brigará por pontos

Michael Schumacher, bastante mal humorado e com má vontade até para dar autógrafos para alguns adolescentes que procuraram por ele no paddock, reclamou de tudo após obter o 12.º tempo no treino desta sexta-feira, em Interlagos, para o GP do Brasil de Fórmula 1. Da pista, falou: ?Está suja, ondulada, desnivelada, escorregadia. Não foi confortável guiar. Não foi para mim e acredito que para nenhum outro piloto.? Ao contrário de Rubinho, o alemão não se mostrou muito empolgado com o rendimento da Ferrari. ?Fomos mais rápidos à tarde do que pela manhã, mas é difícil dizer a real situação. Não temos informações concretas. Talvez estejamos melhor do que em corridas anteriores. Talvez nosso carro se comporte melhor aqui. Mas é difícil falar alguma coisa.? O heptacampeão também não está muito animado com o carro da Ferrari, que definiu como ?nervoso e instável?. Ele praticamente jogou a toalha quando foi perguntando sobre suas chances de vencer a corrida neste domingo em Interlagos ? Schumacher tem apenas uma vitória este ano, nos Estados Unidos, corrida da qual participaram apenas os seis carros equipados com pneus Bridgestone. ?Não acho possível. Meu plano para a corrida é lutar para marcar pontos.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.