Schumacher fará teste com carro da GP2 na Espanha

Aposentado desde 2006, heptacampeão de Fórmula 1 tenta recuperar ritmo de corrida com carro da Supernova

AE, Agencia Estado

11 de janeiro de 2010 | 10h47

O alemão Michael Schumacher não terá de esperar até fevereiro, nos testes coletivos da Fórmula 1, para voltar às pistas. Nesta segunda-feira, a assessoria do heptacampeão confirmou que ele participará de três dias de testes com um carro da GP2, no circuito de Jerez de la Frontera, na Espanha.

Schumacher testará entre terça e quinta-feira desta semana, em uma sessão exclusiva. Ele pilotará um carro da equipe Supernova, com o aval da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), que liberou a realização do teste.

Além de ser uma boa notícia para o alemão, que voltará a pilotar um monoposto com características semelhantes às da Fórmula 1, o teste na GP2 agradou ao diretor da categoria, Bruno Michel.

"A terça-feira será um dia histórico para a GP2. É uma honra e um privilégio para nós o fato de Michael Schumacher, heptacampeão da Fórmula 1, nos ajudar a testar e desenvolver nosso carro", disse o dirigente.

Michael Schumacher voltará à Fórmula 1 neste ano após três temporadas de ausência. Ele será o principal piloto da equipe da Mercedes, e terá a seu lado o também alemão Nico Rosberg.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Michael SchumacherGP2

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.