Schumacher recusa renovação com Ferrari

O alemão Michael Schumacher recusou uma proposta de renovação de contrato com a Ferrari, de acordo com o seu empresário, Willi Weber, em uma entrevista a uma revista da Alemanha. ?O presidente Luca di Montezemolo fez uma proposta: está nas nossas mãos, mas, no momento, não vamos assiná-la?, disse o agente. Um dos motivos para a recusa de Schumacher seria o seu salário na escuderia italiana. O alemão quer um aumento de 5 milhões de euros pela temporada em seu novo contrato - seu salário atual seria próximo de 35 milhões de euros. ?Se entro em negociações para prorrogar o compromisso, também devo negociar um melhor salário. É absolutamente normal?, afirmou Weber. Com 36 anos, Schumacher sempre declarou que pretende encerrar a carreira na Ferrari, mas sua recusa inicial fomenta especulações sobre uma mudança para a McLaren em 2006. O seu empresário, no entanto, nega qualquer troca. ?Michael não está disposto a reconstruir tudo desde o zero?, contou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.