Schumacher vai mal no kart

Desta vez Michael Schumacher não estava de cara feia, como sempre acontece quando não vence, apesar de não ter terminado nenhuma das duas baterias da prova final do Mundial de Kart, neste domingo, na cidade em que cresceu, na Alemanha. "Eu me diverti muito", disse. Na primeira, largou em 22º mas rodou quando recuperava-se bem. Na segunda, quebrou o motor. O italiano Vitantonio Liuzzi conquistou o título.

Agencia Estado,

28 de outubro de 2001 | 21h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.