Só falta a Ferrari lançar novo modelo

Agora só falta a Ferrari apresentar o seu modelo 2002. Nesta sexta-feira, em Silverstone, na Inglaterra, a equipe Williams lançou o seu para a temporada que começa dia 3 de março em Melbourne, na Austrália. E conforme se esperava, o FW24, equipado com motor BMW, assemelha-se bastante ao carro do ano passado. "Procuramos, principalmente, aumentar sua resistência e melhorar a aerodinâmica", disse Patrick Head, diretor-técnico e sócio de Frank Williams. Na Suíça, a Sauber, do brasileiro Felipe Massa, também lançou oficialmente o seu novo modelo. A expectativa maior agora recai sobre a Ferrari, que apenas dia 6 lançará seu carro 2002. A McLaren o fez dia 19. Os três times devem lutar pelo título. Enquanto a Ferrari, tricampeã entre os construtores, 1999, 2000 e 2001, não começa sua preparação em pista, a McLaren já percorreu com seu MP4/17 a distância de 1.507 quilômetros. A Williams vai iniciar os testes com o FW24 na próxima semana, em Barcelona. Ao menos em "hora de asfalto" a McLaren está na frente, apesar de os tempos registrados por David Coulthard e Kimi Raikkonen não serem muito encorajantes. Os dois pilotos da Williams manifestaram opiniões diversas, ontem, na apresentação do FW24. "Quero começar o campeonato, na Austrália, com uma vitória", afirmou Ralf Schumacher. Já Montoya comentou: "Antes de fazer qualquer prognóstico é preciso passar pela pré-temporada." Apesar de ter perdido para a BAR seu principal técnico em aerodinâmica, Geoff Willis, a Williams concentrou seus estudos no desenvolvimento nessa área do projeto. "Não dá para pensar em sermos campeões se nosso carro é quase imbatível num circuito (os mais velozes) enquanto em outro nós andamos lá atrás", observou Head. Frank Williams destacou nesta sexta-feira a necessidade de concluir as corridas. "Nossa dupla de pilotos tem como característica arriscar. Precisamos lhe entregar carros que os permitam colocar em prática esse estilo." O dirigente referia-se a resolver os constantes problemas hidráulicos experimentados ano passado, bem como, ao menos no início, no motor BMW. Os técnicos alemães, coordenados na fábrica por Werner Laurenz, colocaram a disposição da Williams o motor V-10 P82, seguramente o de melhor resposta de potência na Fórmula 1. Estima-se que ela seja de 880 cavalos. Sauber - O modelo C21 da Sauber já tem 657 quilômetros de pista. Mas seu lançamento ocorreu nesta sexta-feira, próximo a Zurique, na Suíça. Massa, que já testou o carro de 2001 e o C21, classificou o novo como "bastante superior." A maior novidade com relação ao já bom C20 é o "emagrecimento" do C21. "Esse alívio de peso nos permitiu jogar mais com o lastro, o que explica em parte a melhor estabilidade e aderência do C21." A equipe treina na próxima semana em Barcelona, com dois carros.

Agencia Estado,

25 de janeiro de 2002 | 19h40

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.