Antonio Garcia / EFE
Antonio Garcia / EFE

Sob chuva, Pedrosa domina treinos livres em Aragão em dia de retorno de Rossi

Italiano ficou fora da última corrida devido a lesões por acidente, mas teve recuperação surpreendentemente rápida

Estadão Conteúdo

22 de setembro de 2017 | 12h15

Em dia de retorno de Valentino Rossi às pistas, após grave acidente, o espanhol Dani Pedrosa surpreendeu os rivais e cravou o melhor tempo do dia nesta sexta-feira ao fim dos dois treinos livres que abriram a etapa de Aragão da MotoGP, na Espanha. Sob chuva, ele anotou o melhor tempo na segunda sessão.

O piloto da Honda foi o único a romper a barreira dos dois minutos nesta sexta, ao completar uma volta com o tempo de 1min59s858. No primeiro treino, marcara 2min01s741, segunda melhor marca da atividade, atrás somente do compatriota Marc Márquez, seu companheiro de equipe. Na segunda sessão, Márquez não passou o quarto posto.

Vencedor da prova de Aragão em 2012, Pedrosa mostrou boa adaptação desde o início do dia, mesmo quando a pista estava sob chuva, com o asfalta encharcado. Ao longo do dia, o traçado ficou seco, sem afetar o bom rendimento do espanhol. Na segunda sessão desta sexta, o tempo oscilou, alternando momentos com e sem chuva.

Atrás de Pedrosa veio o também espanhol Jorge Lorenzo, da Ducati, com tempo de 2min00s072. Ele foi seguido pelo francês Johann Zarco (2min00s320), por Márquez (2min00s459), pelo checo Karel Abraham (2min00s471). O Top 10 foi completado pelos ingleses Cal Crutchlow (2min00s482) e Sam Lowes (2min00s585), pelo italiano Andrea Dovizioso (2min00s962) e pelos irmãos espanhóis Aleix Espargaró (2min01s015) e Pol Espargaró (2min01s042).

Mas o maior destaque do dia foi Valentino Rossi. O experiente italiano voltou a uma pista da MotoGP 22 dias após sofrer grave acidente em uma prova de enduro, no interior da Itália. O piloto de 38 anos sofreu fraturas na tíbia e na fíbula da perna direita e foi submetido a uma cirurgia no local.

Por conta das lesões, ele perdeu a etapa de San Marino. E, pela estimativa inicial, deveria ficar afastado das competições por 40 dias, perdendo também a prova em Aragão. Rossi, contudo, surpreendeu ao apresentar rápida recuperação. Na quinta, foi avaliado pelos médicos do circuito, que liberaram sua participação nos treinos livres desta sexta.

Seu retorno aconteceu no primeiro treino livre desta sexta. Apesar da chuva, o piloto da Yamaha completou oito voltas no traçado, com o 18º tempo. Na segunda sessão, melhorou seu rendimento, com o tempo de 2min01s917, mas não passou do 20º lugar.

No sábado, os pilotos voltam à pista de Aragão para o terceiro e quarto treinos livres. A sessão de classificação está marcada para as 9h10 (horário de Brasília). No domingo, a largada da corrida está agendada para as 9 horas (Brasília).

Tudo o que sabemos sobre:
MotociclismoValentino Rossi

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.