Arquivo/AE
Arquivo/AE

Sob pressão, Raikkonen elogia modelo 2009 da Ferrari

 MARANELLO - Campeão da Fórmula 1 em 2007, o finlandês Kimi Raikkonen teve uma temporada apagada no ano passado. Pressionado pela direção da Ferrari para voltar a brigar pelo título, ele faz questão de elogiar o modelo F60, que será utilizado pela escuderia na temporada que começa em Melbourne, no domingo.

AE, Agência Estado

23 de março de 2009 | 18h03

Veja também:

link Para Massa, rivais da Ferrari serão Brawn GP e Toyota

link Polêmica da pontuação é constrangedora, diz chefe da Ferrari

video TV ESTADÃO: O que esperar do começo da disputa?

especial Especial: jogue o Desafio dos Pilotos

"Sinceramente, este carro é muito melhor do que o do ano passado. É muito mais divertido para pilotar", afirmou.

A direção da Ferrari não esconde a insatisfação com o desempenho de Raikkonen no ano passado, mas também aposta na recuperação do piloto, com uma certa dose de pressão.

"Ele sabe que é uma temporada muito importante para ele, como piloto e como homem, e ele é inteligente o bastante para entender isso", afirmou Stefano Domenicali, chefe de equipe da Ferrari, ao jornal italiano La Gazzetta dello Sport.

Segundo o dirigente, Raikkonen está com a motivação em alta. Uma das provas da dedicação do finlandês foi uma dieta que o fez perder três quilos. Outra, divulgada pela imprensa da Finlândia, é o fato de o campeão ter reduzido consideravelmente o consumo de álcool, apontado como um dos fatores que teriam atrapalhado seu desempenho em 2008.

Mais conteúdo sobre:
Fórmula 1FerrariKimi Raikkonen

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.