Sonho de Ralf é superar Schumacher

Ralf Schumacher confessou nesta quarta-feira que seu grande desafio na Fórmula 1 é ser campeão enquanto seu irmão Michael ainda estiver em atividade. "Se não conquistar o título enquanto o Michael ainda estiver correndo, eu seria obrigado a ouvir constantemente que só venci o Mundial de Fórmula 1 porque ele já tinha abandonado o automobilismo", admitiu o caçula, que por isso torce para que o primogênito pentacampeão continue correndo por mais alguns anos.Apesar de a Ferrari ter ficado fora do pódio na corrida de abertura, o GP da Austrália, Ralf acha que será muito difícil vencer o Mundial pela Williams-BMW neste ano. "Por que eu iria me iludir? A Ferrari é superforte e nós somos uma equipe intermediária. E temos de nos cuidar para não sermos superados pela McLaren-Mercedes."Para ele, seu irmão não é imbatível, desde que se tenha um equipamento à altura. "Para derrotá-lo, é necessário no mínimo ter um carro da mesma qualidade", disse Ralf. Ele acha que a Williams ainda precisa melhorar a aerodinâmica do novo FW25. "Isso é fundamental para esta temporada." Como o seu contrato vence em 2004, Ralf garantiu estar disponível para conversar com qualquer equipe, "exceto a Minardi".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.