Spyker dispensa Christijan Albers por falta de patrocínio

Piloto ficou manchado na equipe depois de arrancar a mangueira de combustível no abastecimento

10 de julho de 2007 | 09h40

A escuderia Spyker anunciou nesta terça-feira que, a partir de agora, Christijan Albers não correrá com a equipe no Mundial de Fórmula 1 de 2007, porque o principal patrocinador pessoal do piloto holandês não pagou o dinheiro prometido.O diretor da equipe, Colin Kolles, disse que tinha sido "uma decisão muito difícil", porque Albers começou a ficar bem com o carro, "mas o ambicioso programa de desenvolvimento da equipe foi seriamente comprometido devido à falta de pagamento de um de seus patrocinadores e não resta outra opção."Albers foi manchete há duas semanas, quando no GP da França ele arrancou a mangueira de abastecimento em um pit stop em que se precipitou e não esperou que a bomba de gasolina fosse retirada a tempo. O piloto chegou a andar alguns metros com a mangueira pendurada em seu carro. Por conta do incidente, ele foi multado em R$ 13 mil pela FIA.O diretor de Fórmula 1 da escuderia, Michiel Mol, considera que a decisão de substituir o holandês é "uma das mais duras" que teve que tomar desde que chegou à Spyker."Acrescentamos que esta medida não terá efeitos prejudiciais nos resultados financeiros da equipe", acrescentou Mol, "e queremos ressaltar que esta decisão não tem nada a ver com os resultados recentes de Christijan, confiamos em sua contribuição como piloto, mas com o futuro da equipe a longo prazo".Piloto ficou manchado na equipe depois de arrancar a mangueira de combustível no abastecimento

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Christijan AlbersSpyker

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.