Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Spyker protesta contra Toro Rosso e Super Aguri

A direção da equipe Spyker oficializou nesta sexta seu protesto contra as equipes Toro Rosso e Super Aguri na Câmara do Comércio de Lausanne, na Suíça, entidade indicada pelo Acordo de Concórdia para resolver questões comercias da Fórmula 1. A alegação do time gerido por holandeses é a de que esses dois times possuem carros iguais aos das equipes Red Bull e Honda, o que fere o regulamento da categoria.No protesto, é apontado que a Super Aguri usa uma versão melhorada do Honda RA106, do ano passado, e que a Toro Rosso utiliza o modelo Red Bull 3, utilizado este ano, com pequenas alterações. A reclamação da Spyker vem desde o final de semana passado, quando foi disputado o GP da Austrália.Os dois times se defendem das críticas e garantem estar dentro do regulamento da competição. A FIA já foi procurada pela Spyker, mas se recusou o a abrir o processo.Atualizado às 15h31 para acréscimo de informações

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.