Stock Car: Muffato decide não correr amanhã

Poucas horas depois de ter conquistado na justiça comum o direito de disputar a sexta etapa do Campeonato Brasileiro de Stock Car V8, o piloto David Muffato desistiu de correr neste domingo em Interlagos. Segundo sua assessoria de imprensa, por volta da meia-noite de sexta-feira, depois de receber o comunicado da Confederação Brasileira de Automobilismo marcando o seu julgamento para o dia 28 de julho, Muffato tomou a decisão de acatar a punição temporária imposta pelo presidente da CBA, Paulo Scaglione. A suspensão de duas corridas imposta por Scaglione foi motivada pelos incidentes de David Muffato na prova de Londrina e pelas declarações do piloto depois da corrida, quando fez sérias críticas ao piloto Pedro Gomes, a quem acusou de ter tocado em seu carro e tê-lo tirado da prova.

Agencia Estado,

12 de julho de 2003 | 15h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.