Jens Buettner/EFE
Jens Buettner/EFE

Sutil festeja 2.º lugar, mas prevê ameaças na largada

'O carro estava incrível, muito rápido, inacreditável', diz o alemão, sobre seu Force India em Monza

AE, Agência Estado

12 de setembro de 2009 | 11h33

MONZA - Depois de faturar a segunda posição no GP da Bélgica, a Force India voltou a surpreender neste sábado. Desta vez, foi o alemão Adrian Sutil quem deixou os favoritos para trás e garantiu a segunda colocação no grid de largada do GP da Itália, em Monza.

Veja também:

linkHamilton faz pole na Itália, com Sutil ao lado

F-1 2009 - tabela Classificação | especialCalendário

especial ESPECIAL: jogue o Desafio dos Pilotos

blog BLOG DO LIVIO - Leia mais sobre a F-1

Ao fim do treino classificatório, Sutil não escondeu a empolgação com sua melhor colocação em um grid da Fórmula 1. "É um grande momento, um grande dia para mim. O carro estava incrível, muito rápido, inacreditável. É uma sensação diferente comandar o carro quando se sabe que há uma chance [de vitória]", disse Sutil.

O piloto alemão também destacou o bom momento da Force India no campeonato. A equipe chegou em segundo na Bélgica, há duas semanas, depois de sair na pole, com o italiano Giancarlo Fisichella, agora na Ferrari. "Este resultado é muito bom para a equipe, depois do grande sucesso em Spa".

Agora é a vez de Sutil brigar pelo pódio, o primeiro de sua carreira na F-1. O alemão, no entanto, sabe que não será uma tarefa fácil. "Tem muito carro com kers [sistema de recuperação de energia] ao meu redor. Será uma briga difícil na largada", explicou. Na saída, Sutil será pressionado por Kimi Raikkonen e Heikki Kovalainen, além dos carros da Brawn GP.

O piloto da Force India também comentou o resultado de Fisichella, seu ex-companheiro de equipe. O substituto de Felipe Massa foi apenas o 14.º neste sábado. "Acho que ele foi bem. Sair em 14.º não é tão ruim", minimizou Sutil.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Adrian SutilForce India

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.