Terceiro, Grosjean acredita que pode superar a Red Bull

Embalado após subir ao pódio das duas últimas provas da Fórmula 1, Romain Grosjean tem a esperança de conquistar a sua primeira vitória ainda nesta temporada. E o seu desejo permaneceu vivo após a realização dos dois primeiros treinos livres para o GP da Índia, mesmo que tenha sido batido pelo alemão Sebastian Vettel e pelo australiano Mark Webber, sendo o terceiro piloto mais rápido da sexta-feira.

AE, Agência Estado

25 de outubro de 2013 | 11h25

"Esse foi um bom começo para o fim de semana. O carro está bom e fizemos progressos ao longo do dia para torná-lo melhor. Ainda é difícil encontrar aderência aqui, o que pode tornar as coisas interessantes se você encontrar os limites, mas o ritmo do nosso carro em relação aos nossos rivais parece muito bom", disse.

Grosjean acredita que a chance de superar a Red Bull neste fim de semana é real. "Tenho esperança de um dia sólido amanhã que deve nos dar uma outra boa posição no treino de classificação, se as coisas de hoje se mostrarem corretas. Faremos tudo o que pudermos para lutar com a Red Bull", afirmou.

Companheiro de Grosjean na Lotus, Kimi Raikkonen não teve um dia tão bom na Índia. O finlandês ficou apenas em 17º lugar no primeiro treino livre, mas depois melhorou no segundo, sendo o oitavo mais rápido. Para ele, ainda é possível melhorar o desempenho no reste do fim de semana.

"O carro está muito bom agora, mas ainda podemos fazer melhor. Fizemos algumas mudanças na parte da manhã, já que não estava tão bom, mas está muito melhor agora e devemos ter condições de progredir mais amanhã. A pista é bastante escorregadia, mas isso melhora com o tempo e o carro fica muito melhor", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.