Reuters
Reuters

Terceiro no grid, Hamilton promete 'dar o máximo' em pista difícil de ultrapassar

Em busca do recorde de vitórias na Fórmula 1, inglês largará atrás de Valtteri Bottas e Max Verstappen

Redação, Estadão Conteúdo

10 de outubro de 2020 | 18h19

Lewis Hamilton não ficou nada satisfeito com o desempenho de seu carro na definição da pole position para o GP de Eifel, na Alemanha. Acostumado a largar na frente, ele será apenas o terceiro no grid. Numa pista difícil de ultrapassar, ele promete superação.

"Estou apenas tentando entender o que aconteceu hoje (sábado)", afirmou Hamilton, antes de falar sobre suas perspectivas para a corrida. O inglês da Mercedes tenta igualar marca de Michael Schumacher como maior vencedor da Fórmula 1. Na busca pelo 91° triunfo, gostaria de largar na frente. "Amanhã (domingo) é uma longa corrida. Não é o lugar mais fácil de ultrapassar, mas pode haver muitas oportunidades, por isso vou dar o máximo," garantiu.

Em sua frente estarão o companheiro de equipe, Valtteri Bottas, o pole, e Max Verstappen, em segundo, o que aumenta bastante a dificuldade na busca pela marca histórica.

Depois de trabalho bom até a segunda fase do qualificatório, Hamilton não conseguiu ser eficiente no Q3 e ficou a 0s256 atrás do Bottas. "Definitivamente o Q2 parecia bom e quando cheguei ao Q3, simplesmente não me senti bem em nenhuma das voltas. A aderência não parecia a mesma", reclamou dos pneus.

Hamilton sugeriu iniciar a prova com pneu diferente de Bottas mas a equipe não aceitou sua ideia. Ele já travou batalha com a Mercedes no treino. Acreditava fazer a melhor volta com pneus médios, mas a equipe optou pelo macio. Ele reclamou, pois não pode mudar para a largada.

"Eu conseguiria passar com aquele pneu", garantiu. "Queria começar nos médios, só porque gosto sempre de fazer algo diferente, mas a equipe optou por nós dois estarmos no mesmo pneu", se conformou. "Veremos se foi a escolha foi certa."

Indo para a corrida, Hamilton tem uma vantagem de 44 pontos sobre Bottas , com sete provas - incluindo o GP da Eifel de domingo - restantes para disputar nesta temporada.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Lewis HamiltonMercedes-Benz

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.