Tony Kanaan já vislumbra o bi na IRL

A vitória na última etapa, em Kansas, deixou Tony Kanaan animado para a conquista do bicampeonato da Indy Racing League (IRL). No sábado à noite, em Nashville - corrida que venceu bem no ano passado -, o desafio do piloto brasileiro será conservar os pneus inteiros até a última das 200 voltas. O superspeedway com 2,139 quilômetros é de concreto e é considerado o mais abrasivo do campeonato."Além do concreto, Nashville possui a força G (lateral) mais alta na IRL. Poupar os pneus é essencial. Mas o desgaste físico do piloto também não é pequeno", revelou Tony Kanaan.Até agora, o destaque da IRL é o inglês Dan Wheldon, companheiro de equipe de Tony Kanaan na Andretti Green. Ele venceu quatro das oito provas, inclusive as 500 Milhas de Indianápolis. Com isso, Dan Wheldon soma 335 pontos, contra 259 de Tony Kanaan, que está em segundo lugar, e 230 do também brasileiro Hélio Castro Neves, o terceiro colocado."Acho que ainda é muito cedo para fazer qualquer análise. O que eu preciso fazer agora é ir para cima e tentar ganhar corridas", afirmou Tony Kanaan.O ambiente na Andretti Green continua o mesmo. Tony Kanaan e Dan Wheldon têm um bom relacionamento e o chefe Michael Andretti não favorece nenhum dos dois. "A única recomendação dele é que devemos evitar qualquer acidente. Um não pode tirar o outro da pista. O resto fica por conta de cada piloto", contou o brasileiro.Futuro - Tony Kanaan já foi sondado para pilotar a equipe de Ronaldo na nova categoria A1, cujo campeonato começa dia 25 de setembro em Brands Hatch, Inglaterra. Cada escuderia representará um país e a brasileira terá Emerson Fittipaldi como chefe."Gostaria de representar o Brasil e fazer mais corridas em circuitos mistos. Mas não poderia fazer todas as corridas por causa dos compromissos da IRL. Mas se receber uma proposta oficial vou conversar com o Michael Andretti", avisou Tony Kanaan.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.