Tony Kanaan lamenta acidente na estréia na Fórmula Indy

Piloto brasileiro teve o carro atingido a sete voltas do fim e foi obrigado a abandonar o GP de Miami

Redação,

30 de março de 2008 | 15h05

O brasileiro Tony Kanaan, da Andretti Green, lamentou o acidente ocorrido na noite deste sábado durante a realização do GP de Miami, primeira etapa da Fórmula Indy 2008. O piloto liderava a disputa até a volta 193 (num total de 200), quando teve o carro atingido pelo venezuelano Ernesto Viso.  Veja também: Conheça os pilotos e as equipes da temporada 2008 Confira o calendário e o sistema de pontuação "Corrida só acaba após a bandeirada e, desta vez, sobrou para gente. Estávamos com a corrida ganha, com uma boa vantagem para o segundo colocado, mas aconteceu essa infelicidade", diz o brasileiro, que ficou em oitavo na classificação. Viso, retardatário, rodou na frente de Kanaan, que não teve tempo de desviar e danificou uma das rodas dianteiras. O brasileiro, tentou seguir na disputa, mas acabou recebendo a bandeira preta - os organizadores decidiram desclassificá-lo por considerar que ele oferecia perigo aos demais. "Eu entrei bem triste nos boxes e agradecia pelo rádio os meus mecânicos e engenheiros que fizeram um trabalho fantástico, e um deles me lembrou que finalizei na mesma colocação quando conquistei o título de 2004. Então, não deixa de ser um bom sinal", diz Kanaan. A segunda etapa da Fórmula Indy acontece neste domingo, no circuito misto de St. Petersburg, na Flórida.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula IndyTony Kanaan

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.