Treino da Cart em Denver imita a F-1

Com os pilotos entrando na pista um a um, como acontece nos treinos classificatórios em pistas ovais e atualmente também nas sessões que definem o grid dos GPs de Fórmula 1, vai ser definido amanhã o pole provisório para o GP de Denver, 15.ª etapa da temporada de F-Cart. A prova vai ser disputada em um estreito circuito de rua com extensão de apenas 2.650 metros e a classificação individual foi a maneira encontrada pelos organizadores da categoria para evitar o trafégo e, principalmente, acidentes que causem interrupções longas na sessão. A mudança no sistema - normalmente em pistas de rua os pilotos fazem a tomada de tempos em dois grupos -, agradou aos pilotos. "Esse novo formato deixará a classificação mais justa?, disse o brasileiro Bruno Junqueira, da Newman-Haas. "A classificação individual vai eliminar os problemas e, também, as desculpas?, acrescentou Mário Haberfeld, da Conquest. A ordem de entrada no treino classificatório de amanhã, das 17h30 às 18h30, pelo horário de Brasília, vai ser definida no treino livre da manhã (ordem inversa, com o último entrando primeiro e assim sucessivamente). Na sessão que define sábado o grid, a entrada na pista será definida com base do resultado do treino oficial de amanhã. O GP de Denver será a 350.ª corrida da Newman-Haas na F-Cart (72 vitórias). No ano passado, a vitória nas ruas da capital do Estado do Colorado foi de Bruno Junqueira, que também largou na pole. Atualmente, porém, Bruno está sob pressão: não marca pontos há duas etapas, período no qual viu o líder Paul Tracy "abrir? na classificação (o canadense da Forsythe tem 192 pontos contra 164 do brasileiro) e o mexicano Michel Jourdain Jr., da Rahal, se aproximar - soma 157 pontos. Neste fim de semana, o finlandês Mika Salo, ex-piloto da Fórmula 1 - chegou a correr pela Ferrari - estreará na Cart. Vai substituir o italiano Max Papis na equipe PK Racing, que tem como um dos donos Craig Pollock, empresário de Jacques Villeneuve. Já o norte-americano Jimmy Vasser, campeão da categoria em 1996 pela equipe Chip Ganassi e atualmente no Team Johansson, dá indícios de que pode anunciar sua aposentadoria ao final da temporada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.