Rick Rycroft/AP
Rick Rycroft/AP

Trulli é punido e perde 3.º lugar; Vettel perderá dez posições

Comissários flagaram ultrapassagem sobre Lewis Hamilton com safety car na pista, e assim inglês herda 3.º lugar

Redação

29 de março de 2009 | 07h26

 MELBOURNE - O italiano Jarno Trulli, da Toyota, foi punido pelos comissários do Grande Prêmio da Austrália com 25 segundos por ultrapassar o inglês Lewis Hamilton, da McLaren, quando o safety car estava na pista, e, por isso, caiu do terceiro ao 12.º lugar.

Veja também:

link Button vence e Barrichello é 2.º no GP da Austrália

especialESPECIAL: Conheça os pilotos e equipes da F-1 2009

especialConfira o calendário (com horários) da temporada

especialESPECIAL: jogue o Desafio dos Pilotos

Trulli, que estava na terceira posição quando o safety car entrou na pista, faltando duas voltas ao fim da corrida, teria perdido o controle do carro e foi ultrapassado por Hamilton. Depois, recuperou sua colocação ainda sob bandeira amarela, e, por isso, foi punido pelos comissários. Com a decisão, Hamilton pulou para o terceiro lugar.

Outro punido foi o alemão Sebastian Vettel, da Red Bull. Ele perderá dez posições no grid de largada da próxima corrida, o GP da Malásia, e terá de pagar US$ 50 mil de multa por ser considerado o responsável pelo acidente com Robert Kubica a três voltas do fim da corrida, quando disputavam o segundo lugar. (com EFE)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.