Divulgação
Divulgação

USF1 quer Kyle Busch, da Nascar, como piloto para 2011

Americano campeão na Nascar é o sonho do time novato da F-1 para a temporada seguinte à estreia na F-1

Redação

22 de outubro de 2009 | 16h31

SÃO PAULO - A novata USF1 quer ter um piloto americano em seu carro na disputa das temporadas da Fórmula 1. Se ainda não definiu quais serão os escolhidos para seu ano de estreia, em 2010, pelo menos já anuncia com quem pretende contar em 2011: é com o americano Kyle Busch, 24 anos, 16 vezes vencedor na principal categoria da Nascar.

Veja também:

especialESPECIAL - Jogue o Desafio dos Pilotos

blog BLOG DO LIVIO - Leia mais sobre a F-1

Quem fala é o próprio diretor esportivo da equipe, Peter Windsor, em entrevista ao US Today. "Se ele quiser pilotar para nós em 2011, nós certamente estaremos interessados nele. Eu o vejo sempre e tenho muito respeito por ele. Eu acredito que Kyle pode vencer um campeonato de Fórmula 1. Eu acho que ele tem exatamente o talento certo, a visão certa. Eu adoraria vê-lo em nosso carro de F-1".

Busch já demonstrou interesse na vaga, mas não tem chance de assumir o carro da USF1 no próximo ano porque tem contrato com a equipe Joe Gibbs Racing, e este termina só no final de 2010.

Para a próxima temporada, a USF1 deve contar com pilotos estrangeiros, já que os outros interessados, como Marco Andretti e Danica Patrick (ambos da Fórmula Indy) não estão motivados (tanto tecnicamente quanto financeiramente) a mudar de categoria agora.

Segundo Windsor, os pilotos para a estreia da equipe na F-1 serão anunciados antes do fim deste ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.