Valdeno Brito vence a Corrida do Milhão da Stock Car

Piloto conta com problemas no carro de Cacá Bueno para vencer pela primeira vez na categoria

Redação,

31 de agosto de 2008 | 12h34

O piloto Valdeno Brito, da Medley-A. Mattheis, venceu neste domingo a Corrida do Milhão da Stock Car, disputada no circuito de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. O paraibano, que triunfou pela primeira vez na categoria com o tempo de 1h09m22s198, leva para casa o prêmio de US$ 1 milhão (cerca de R$ 1,6 milhão).Veja também: Explosão deixa três pessoas feridas em circuito da Stock CarO fim da prova foi emocionante. Cacá Bueno, da Eurofarma, que havia obtido no sábado a pole position, liderava até as voltas finais, mas um problema no carro fez ele praticamente parar na pista e entregar a vitória de presente ao adversário, que vibrou muito com a conquista inédita. "É o momento mais importante da minha vida. Sempre acreditei na vitória. Quero dedicar esta conquista a Jesus Cristo, que me trouxe das trevas e me levou para a luz", declarou.Quem também se deu bem foi Marcos Gomes, também da Medley-A. Mattheis, que ao chegar em terceiro lugar assumiu a liderança do campeonato, ultrapassando Ricardo Maurício, da WA Mattheis, que chegou apenas em 20.°. O segundo colocado neste domingo foi Luciano Burti, da Sky Racing.CORRIDAApesar da chuva que caiu pela manhã no Rio de Janeiro, a pista já estava seca no início da corrida, que foi marcada por muitas disputas de posições na pista no pelotão de frente. Considerada mais difícil que as corridas tradicionais da Stock Car por exigir mais dos pneus e dos carros nos 25 minutos a mais de prova, a Corrida do Milhão foi considerada um desafio para as equipes. "Foram 75 dias de preparação intensiva. Trabalhamos muito para isso", afirmou Andreas Mattheis, diretor-técnico da Medley/A.Mattheis.Valdeno Brito, que largou na terceira colocação, mostrou habilidade para segurar a pressão de Burti e Ingo Hoffmann, da AMG Motorsport. Com as paradas nos boxes, quem se deu bem foi Alceu Feldmann, da Boettger Competições, que largou com pneus de pista seca e por isso precisou parar apenas para reabastecer, ao contrário da maioria de seus adversários. Com isso, assumiu a segunda posição.No entanto, depois de ultrapassar Allam Khodair, também da Boettger Competições, que largou em segundo, Valdeno foi arrojado e ganhou a posição de Feldmann na 33.ª volta.Mas o piloto da Medley-A. Mattheis quando Cacá Bueno começou a ter problemas e ficou lento na pista. Após deixar os boxes, Valdeno ainda estava atrás do adversário e só conseguiu a ultrapassagem quando o carro do líder quase parou. Cacá ainda conseguiu cruzar em nono lugar.Após assumir a ponta, Valdeno só teve o trabalho de guiar com muito cuidado para conseguir sua primeira vitória na categoria, justamente na corrida mais importante da temporada.Os pilotos voltam às pistas no dia 13 de setembro, no circuito Ayrton Senna, em Londrina, no Paraná, para a disputa da oitava etapa da competição. (Com Agência Estado)Confira os dez primeiros colocados na prova:1.º - Valdeno Brito, 1h09min22s198 2.º - Luciano Burti, a 8s8913.º - Marcos Gomes, a 13s9394.º - Thiago Camilo, a 19s0425.º - Alceu Feldmann, a 21s5316.º - Allam Khodair, a 24s4937.º - David Muffato, a 25s5478.º - Ingo Hoffmann, a 32s4789.º - Cacá Bueno, a 39s56110.º - Atila Abreu, a 41s249

Tudo o que sabemos sobre:
Valdeno BritoCacá BuenoStock Car

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.