Rick Rycroft/AP
Rick Rycroft/AP

Vencedor de ponta a ponta, Button avisa: não foi fácil

 MELBOURNE - Vencedor, de ponta a ponta do Grande Prêmio da Austrália de Fórmula 1, o inglês Jenson Button, da Brawn, disse que a vitória, por mais que pareça, não foi nada fácil, por se tratar de uma equipe estreante.

EFE

29 de março de 2009 | 05h28

Veja também:

link Button vence e Barrichello é 2.º no GP da Austrália

especialESPECIAL: Conheça os pilotos e equipes da F-1 2009

especialConfira o calendário (com horários) da temporada

especialESPECIAL: jogue o Desafio dos Pilotos

"Não foi nem um pouco fácil, mas foi um dia fantástico. Foram meses muito difíceis, por isso quero a agradecer a toda a equipe", disse, estendendo a saudação ao brasileiro Rubens Barrichello, seu companheiro de equipe e segundo colocado, após cair para sétimo na largada e fazer uma corrida de recuperação.

"As primeiras voltas forma muito boas, mas depois, quando o safety car entrou, tive que lutar muito contra as dificuldades, com a pista, a vibração", lembrou Button.

Mais conteúdo sobre:
Fórmula 1Jenson ButtonBrawn GP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.