Werther Santana/Estadão
Werther Santana/Estadão

Verstappen cobra evolução na Red Bull para poder surpreender no domingo

Holandês aproveitou desempenho nesta sexta-feira, mas quer melhorar no sábado

Felipe Rosa Mendes, Estadão Conteúdo

10 Novembro 2017 | 19h46

Um dos destaques do GP do Brasil do ano passado, o holandês Max Verstappen quer voltar a surpreender a Mercedes neste fim de semana, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo. Mas, para tanto, cobrou uma rápida evolução da Red Bull neste sábado para ter chances de disputar com os favoritos na corrida deste domingo.

+ Hamilton volta a ser o mais rápido no segundo treino livre em Interlagos

"Meu desempenho nesta sexta foi bom. Mas ainda precisamos melhorar um pouco, principalmente no equilíbrio do carro. Tivemos dificuldade com a aderência no começo do dia, mas nos recuperamos no treino da tarde", disse Verstappen, após cravar o quarto tempo no primeiro treino livre e o quinto na sessão seguinte.

Verstappen prevê rápida reação da Red Bull no fim de semana porque espera um crescimento da Mercedes no sábado. "Precisamos evoluir porque eles estão mais rápidos do que nós agora e vão fazer upgrades no motor para o treino classificatório. Então ao menos alcançá-los no último treino livre para manter nossas chances de obtermos uma posição melhor no grid de largada", projetou.

Enquanto Verstappen deixou a pista de Interlagos preocupado, Daniel Ricciardo pareceu mais confiante para o restante do fim de semana. O australiano mostrou empolgação com a velocidade apresentada pela Red Bull nos dois primeiros treinos do GP brasileiro.

"Estou muito feliz com o que fizemos nesta sexta. Parecemos bem competitivos. E acho que ainda temos algo para melhorar para amanhã (sábado). Mas não acho que precisaremos fazer grandes mudanças", avaliou Ricciardo, que anotou o quinto e o terceiro tempos, respectivamente, nesta sexta-feira.

Depois do dia de sol e calor em Interlagos, o piloto da Austrália torce por chuva no treino classificatório, neste sábado. "Gostaria de um pouco de chuva na classificação. Aí eu poderia entrar na briga pela pole position. Este é o meu objetivo", disse Ricciardo.

O piloto da Red Bull não mira a pole porque já entrará em desvantagem no treino classificatório. Por conta de mudanças no motor do seu carro, ele sofrerá punição e perderá 10 posições no grid de largada neste domingo.

Mais conteúdo sobre:
Fórmula 1 Max Verstappen

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.