Edgar Su/ Reuters
Edgar Su/ Reuters

Verstappen diz que aproveitou precaução de Hamilton para vencer na Malásia

Piloto da Red Bull deixa o atual líder do Mundial de Pilotos para trás e faz uma corrida sem percalços

Estadao Conteudo

01 Outubro 2017 | 11h58

O holandês Max Verstappen, da Red Bull, disse que aproveitou da precaução do inglês Lewis Hamilton para ultrapassá-lo logo no início da corrida e vencer o GP da Malásia com tranquilidade. Foi a segunda vitória na carreira do piloto, que completou 20 anos no sábado.

+ Confira o infográfico da Fórmula 1

"Foi incrível vencer essa corrida. Pude ver que o nosso ritmo estava bom e o Lewis tinha dificuldade na tração dos pneus. Apenas esperei e quando foi o momento utilizei toda a força da bateria que pude para ultrapassá-lo. Sabia que ele está lutando pelo título do campeonato e que não se arriscaria tanto, então consegui", comemorou.

Depois de deixar o atual líder do Mundial de Pilotos para trás, Verstappen teve uma corrida sem percalços. Ele logo abriu vantagem sobre Hamilton e recebeu a bandeirada final com 12 segundos de vantagem.

"O carro estava realmente bom e nosso ritmo com pneus macios estavam melhores do que eu esperava. É impossível prever como que o resto da temporada será, mas esperamos continuar evoluindo. Quero fazer um ótimo final de temporada e assim começar com tudo no próximo ano", emendou.

O australiano Daniel Ricciardo, companheiro de equipe de Verstappen, também fez uma boa corrida e terminou na terceira colocação. Na parte final da prova, chegou a ser um pouco ameaçado por Sebastian Vettel, da Ferrari, mas conseguiu aumentar o ritmo e garantiu um lugar no pódio.

"Gostei da corrida hoje. No início, pensei que poderia terminar em segundo, mas depois do pit stop vi que precisava garantir o terceiro lugar, pois o Seb estava vindo e me preocupei com isso", comentou.

+ Leia mais notícias sobre velocidade

Desde o GP da Malásia do ano passado que a Red Bull não conseguia uma dobradinha no pódio. "Foi um resultado muito positivo para a equipe. O Max fez uma grande corrida e tenho que dar os parabéns a ele. Agora vamos tentar repetir essa dobradinha em Suzuka", projetou.

A próxima etapa da Fórmula 1 acontecerá em 8 de outubro, no Grande Prêmio do Japão. Hamilton lidera a competição com 281 pontos, contra 247 de Vettel. Ricciardo aparece na quarta colocação, com 177 pontos, e Verstappen é o sexto, com 93.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.