Vettel conquista 1a pole; Massa larga em 6o e Hamilton, em 15o

O piloto alemão Sebastian Vettelconquistou neste sábado a primeira pole position de suacarreira e de sua equipe Toro Rosso na Fórmula 1, numaimpressionante sessão de classificação para o GP da Itália, quepregou uma peça nos principais favoritos ao título. Com a chuva castigando o circuito mais rápido do calendárioe diminuindo a visibilidade, o piloto de 21 anos tornou-se omais jovem a conquistar a pole desde que o campeonato começou aser disputado em 1950. Vettel, chamado pela imprensa alemã de "bebê Schumi" econsiderado a grande esperança de seu país natal desde aaposentadoria do heptacampeão mundial Michael Schumacher,registrou a volta mais rápida com perfeição, enquanto Ferrari eMcLaren, que brigam pelo título, foram vítimas do tempo e desua escolha de pneus. Lewis Hamilton, da McLaren e líder da temporada, foi agrande vítima de um dia nada convencional, deixando o britânicode 23 anos em péssima condição e permitindo que ele seclassificasse apenas em décimo quinto lugar. O atual campeão mundial Kimi Raikkonen, da Farrari, ficouuma posição acima do britânico. O brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, dois pontos atrás deHamilton na classificação geral com cinco provas restando parao final da temporada, vai largar em sexto lugar no grid daprova de domingo, que é disputada na casa de sua escuderia. Heikki Kovalainen, companheiro de Hamilton na McLaren,completa a primeira fila ao lado de Vettel, com o australianoMark Webber, da Red Bull, dividindo a segunda fila com ofrancês Sebastien Bourdais, da Toro Rosso. Vettel, cujo time que corre com motor Ferrari, está apenasna oitava colocação no campeonato, estava tão surpreso quantoqualquer um com o seu feito. "O que eu posso dizer? Era um sonho meu dirigir um carro deFórmula 1 um dia. Meu objetivo era lutar por poles e vitórias,mas hoje eu não esperava por isso," disse. "É um grande resultado para nós, um grande sucesso. Estoumuito feliz, como vocês podem imaginar," acrescentou o piloto,que irá se transferir para a Red Bull no final da temporadapara substituir David Coulthard, que vai se aposentar. O também alemão Nico Rosberg se classificou em quinto comsua Williams e sai ao lado de Massa, que raramente parececonvincente em condições de chuva. O italiano Jarno Trulli, da Toyota, garantiu o sétimo lugarno grid, com o bicampeão mundial Fernando Alonso, da Renault,largando em oitavo. O polonês Robert Kubica, terceiro no campeonato pelaBMW-Sauber, também não se deu bem na chuva e largará da décimaprimeira posição. A Force Índia, que também corre com motores Ferrari, entrounum novo território, com o italiano Giancarlo Fisichellaconseguindo se classificar para a segunda fase do treinoclassificatório pela primeira vez. Fisichella, cujo terceiro lugar com a Renault em 2005 fezdele o último piloto italiano a subir ao pódio em Monza, foimais rápido que Hamilton e Raikkonen e vai sair na 12 posição. (Tradução Redação São Paulo; +55 11 5644-7712))

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.