Diego Azubel/Efe
Diego Azubel/Efe

Vettel domina GP da Malásia e vence a segunda corrida em 2011

Button, da McLaren, e Heidfeld, da Renault, completaram o pódio; Massa chegou em quinto lugar

Agência Estado

10 de abril de 2011 | 07h55

KUALA LUMPUR - O alemão Sebastian Vettel, da Red Bull, confirmou o seu domínio do início da temporada 2011 da Fórmula 1 e venceu neste domingo, 10, o GP da Malásia, no Circuito de Sepang. O atual campeão mundial já havia triunfado no GP da Austrália, em Melbourne, que abriu o campeonato. Pole position, Vettel dominou a corrida deste domingo e triunfou com tranquilidade, com uma vantagem de 3s2 para o inglês Jenson Button, da McLaren, que terminou na segunda colocação. O pódio foi completado pelo alemão Nick Heidfeld, da Renault.

Companheiro de Vettel na Red Bull, o australiano Mark Webber se recuperou de uma largada ruim, usando uma estratégia de quatro pit stops para faturar a quarta colocação, seguido pelo brasileiro Felipe Massa, da Ferrari. O espanhol Fernando Alonso, da Ferrari, e o inglês Lewis Hamilton, da McLaren, bateram nas voltas finais. Após perder posições, eles completaram a prova em sexto e sétimo lugar, respectivamente. Após a prova, ambos foram punidos em 20 segundos e o inglês acabou perdendo uma colocação.

O japonês Kamui Kobayashi, da Sauber, terminou o GP da Malásia em oitavo lugar, mas ganhou uma posição graças à punição de Alonso e Hamilton. O alemão Michael Schumacher, da Mercedes, conseguiu uma ultrapassagem no final para tomar o nono lugar do escocês Paul da Resta, da Force India, que completou a prova na décima colocação.

A 12ª vitória da carreira de Vettel foi ainda mais impressionante por conta do mau funcionamento do Kers - sistema de recuperação de energia cinética - da Red Bull, o que o impediu de utilizar o recurso na maior parte da corrida na Malásia. Webber também teve problemas com o Kers na prova e caiu de terceiro para nono lugar na primeira volta. Já a Renault teve desempenho impressionante na largada, com Heidfeld subindo da sexta para a segunda colocação.

Com a chuva surpreendentemente não aparecendo, o GP da Malásia foi marcado pela tentativa dos pilotos de permanecer o máximo de tempo possível com seus pneus. Com a estratégia correta, Button garantiu a segunda colocação. E nas voltas finais Heidfeld garantiu presença no pódio ao conter os ataques de Webber.

Um dos principais momentos do GP da Malásia foi a colisão entre os rivais Hamilton e Alonso, quando faltavam dez voltas para o final da corrida. Na tentativa de ultrapassagem, o espanhol quebrou a asa dianteira da sua Ferrari. Já o inglês teve o seu pneu direito dianteiro danificado. Alonso precisou ir aos boxes para colocar nova asa dianteira, enquanto Hamilton tentou permanecer na pista, mas foi facilmente ultrapassado por Heidfeld e Webber. Depois disso, o piloto inglês realizou um pit stop.

O brasileiro Rubens Barrichello não conseguiu completar o GP da Malásia. O piloto da Williams teve um pneu furado no início da corrida. Depois, abandonou a corrida na 25ª volta por conta de um problema hidráulico.

Com duas vitórias nas duas provas disputadas, Vettel lidera o Mundial de Pilotos com 50 pontos, seguido por Button, com 26, Hamilton, com 22, Webber, com 22, Alonso, com 20, e Massa, com 16. Já a Red Bull ocupa a primeira colocação do Mundial de Construtores com 72 pontos, à frente de McLaren, com 50, Ferrari, com 36, e Renault, com 34.

A terceira etapa da temporada 2011 da Fórmula 1 será disputada no dia 17 de abril. O GP da China, em Xangai, tem largada prevista para as 4 horas (de Brasília) de domingo.

Confira o resultado do GP da Malásia

1° Sebastian Vettel (ALE/Red Bull-Renault), 56 voltas

2° Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes), a 3s2

3° Nick Heidfeld (ALE/Renault), a 25s0

4° Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault), a 26s3

5° Felipe Massa (BRA/Ferrari), a 36s9

6° Fernando Alonso (ESP/Ferrari), a 57s2*

7° Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari), a 1min06s4

8° Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes), a 1min09s9*

9° Michael Schumacher (ALE/Mercedes), a 1min24s8

10° Paul di Resta (ESC/Force India-Mercedes), a 1min31s5

11° Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes), a 1 volta

12° Nico Rosberg (ALE/Mercedes), a 1 volta

13° Sebastien Buemi (SUI/Toro Rosso-Ferrari), a 1 volta

14° Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso-Ferrari), a 1 volta

15° Heikki Kovalainen (FIN/Lotus-Renault), a 1 volta

16° Timo Glock (ALE/Virgin-Cosworth), a 2 voltas

17° Vitaly Petrov (RUS/Renault), a 4 voltas

Não completaram

Vitantonio Liuzzi (ITA/Hispania)

Jérome D''Ambrosio (BEL/Virgin)

Jarno Trulli (ITA/Lotus)

Sergio Pérez (MEX/Sauber)

Rubens Barrichello (BRA/Williams)

Narain Karthikeyan (IND/Hispania)

Pastor Maldonado (VEN/Williams)

* Punidos em 20s no tempo final por acidente

Veja também:

video VÍDEO - Assista os melhores momentos do GP da Malásia

link Heidfeld comemora pódio e exalta largada

link Barrichello revela decepção com início da temporada

link Button diz que McLaren vai melhorar

linkMassa: erro da Ferrari impediu briga pelo pódio

linkAlonso e Hamilton são punidos por colisão

linkVettel se diz orgulhoso após segunda vitória

som RÁDIO - Ouça a narração da bandeirada final na Malásia

som Massa diz que chegaria ao pódio se não fosse pelo problema no box

Atualizado às 15h43 para acréscimo de informações

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.