Vettel fica decepcionado e lamenta problema no câmbio

Forçado a abandonar a pista no momento em que liderava o GP da Inglaterra, o alemão Sebastian Vettel deixou Silverstone decepcionado. "É claro que é frustrante, dominávamos a corrida até então", disse Vettel, que acabou assistindo o rival Nico Rosberg herdar a primeira posição e conquistar sua segunda vitória da temporada. "Silverstone é uma fantástica corrida para vencer e estar tão perto disso e ser parado por uma falha mecânica é irritante", afirmou.

AE, Agência Estado

30 de junho de 2013 | 15h48

Vettel foi parado por um problema no câmbio. "Queria mudar da quinta para a sexta marcha e foi nesse momento em que perdi a quinta marcha", contou. "Depois as outras falharam na sequência", concluiu. O piloto disse que será preciso investigar a causa do problema para garantir que ele não volte a ocorrer.

O abandono acabou evitando que o piloto da Red Bull se distanciasse na liderança do campeonato. Ele ainda é o primeiro, com 132 pontos. Fernando Alonso, da Ferrari, é o segundo, com 111 e Kimi Raikkonen soma 100. Rosberg ocupa o sexto lugar, com 82 pontos.

Apesar de considerar que teve má sorte, Vettel preferiu adotar um tom otimista. "Fiz de tudo hoje (domingo) para vencer, tive um grande começo e consegui ultrapassar Nico e fazer minha corrida, então não tenho que lamentar o que ocorreu nesta tarde", comentou. "É claro que é uma pena, mas as coisas são assim mesmo", disse.

O piloto ainda comentou que conseguiu evitar que os pneus arrebentassem, o que aconteceu com outros carros em Silverstone. "Vimos o que ocorreu com Lewis (Hamilton), então tentei evitar a zebra o máximo que pude", relatou. "Vi que o pneu esquerdo traseiro foi afetado, mas nada sério", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.