Andrej Isakovic/AFP
Andrej Isakovic/AFP

Vettel lamenta prova 'solitária' em Abu Dhabi e admite superioridade da Mercedes

Piloto da Ferrari terminou a corrida em terceiro lugar, atrás das duas Mercedes de Bottas e Hamilton

Estadão Conteúdo

26 Novembro 2017 | 18h06

Terceiro colocado do GP de Abu Dhabi, no circuito de Yas Marina, Sebastian Vettel lamentou o fato de que realizou uma prova "solitária" durante a maior parte do tempo neste domingo e reconheceu que não foi possível acompanhar o ritmo das Mercedes de Valtteri Bottas e Lewis Hamilton, que terminaram na primeira e segunda posições, respectivamente.

+ Massa dá adeus à F-1 e não descarta possível cargo na FIA

"No começo eu estava tentando duramente e acho que tive um bom início, mas, depois de três, quatro ou cinco voltas, eu já não podia ir mais rápido e eles foram embora. Depois disso, fiquei bem solitário. No segundo trecho da corrida eu consegui me acertar com o carro. Peguei um ritmo bom, mas não dava para acompanhar os caras", afirmou o alemão da Ferrari, que teve como consolo o fato de que assegurou a conquista do vice-campeonato mundial nesta prova em Abu Dhabi.

Vettel ainda corria o risco de ser ultrapassado por Bottas na classificação nesta prova final da temporada, mas terminou o Mundial apenas atrás de Hamilton. E o piloto da Ferrari exibiu um misto de elegância e sinceridade ao elogiar a dupla da Mercedes neste domingo.

"Parabéns ao Valtteri pela vitória e parabéns ao Lewis pela temporada. Ele mereceu vencer o campeonato deste ano. Odeio dizer isso, mas ele foi o melhor piloto. Agora vamos fazer nossa parte e tentar voltar mais fortes para 2018", projetou.

Mais conteúdo sobre:
Fórmula 1 Sebastian Vettel

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.