Vettel prevê corrida na qual 'tudo pode acontecer'

SPA - O alemão Sebastian Vettel conquistou neste sábado a sua nona pole position em 2011. O líder do Mundial de Pilotos da Fórmula 1 soube aproveitar bem a secagem da pista durante o Q3 para cravar 1min48s298 e ficar com a primeira posição no grid do GP da Bélgica, que tem largada prevista para às 9h deste domingo, pelo horário de Brasília.

AE, Agência Estado

27 de agosto de 2011 | 12h33

"No final, o circuito estava secando muito rapidamente. Não me senti confortável no início da fase de qualificação, mas para a segunda parte do treino eu acho que nós demos um grande passo. Na última sessão, eu usei as duas primeiras voltas para obter a temperatura para os pneus e depois nas duas últimas tentei acelerar o quanto pude", explicou Vettel.

Ele espera para o domingo uma corrida na qual "tudo pode acontecer". Mas preferiu não fazer previsões a respeito das condições meteorológicas em Spa. "Acho que a melhor maneira de obter uma previsão aqui é olhar para o céu e ver o que está acontecendo. É provável que seja amanhã seca. O equilíbrio foi grande no Q3, quando estava seco", comentou.

Já Mark Webber, seu companheiro de Red Bull e aniversariante do dia, lembrou que, por questões de minutos, tudo poderia ter sido diferente. "Foi uma sessão apertada. Você nunca sabe se a volta na qual você está será a melhor, e, assim que terminamos o treino, voltou a chover", lembrou o australiano, que vai largar em terceiro.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Sebastian Vettel

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.