Volks nega plano de entrar na F-1

A Volkswagem - maior fabricante de carros da Europa - negou nesta segunda-feira que esteja planejando entrar no circo da Fórmula 1. ?A Voks não vai entrar na F-1?, disse, de maneira categórica, o porta-voz da empresa, Kurt Rippholz O jornal inglês "The Observer" informou que a empresa alemã estava por trás da surpreendente compra da equipe Prost por um empresário britânico, divulgada no final da semana passada. Segundo o diário, a Volks teria comprado a Prost e ingressaria na principal categoria do automobilismo mundial por intermédio de sua filial, a Skoda. A Prost estava sob intervenção da justiça desde o final do ano passado, depois de ter declarado falência. A equipe pode voltar a correr no GP do Brasil marcado para o dia 31 de março, em São Paulo.

Agencia Estado,

04 Março 2002 | 14h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.