Webber admite decepção e cobra evolução da Red Bull

Depois de largar na pole do GP da Alemanha de Fórmula 1, o australiano Mark Webber terminou na terceira colocação, neste domingo, e não escondeu a decepção com o resultado. O piloto da Red Bull ainda cobrou evolução da equipe já a partir da etapa seguinte do Mundial, que será realizada no próximo final de semana, em Budapeste.

AE, Agência Estado

24 de julho de 2011 | 17h08

"Eu estou desapontado por não ter conseguido vencer hoje (domingo), mas este foi mais um bom resultado", afirmou o australiano, antes de admitir que os carros da Red Bull não conseguiram render o esperado na pista de Nurburgring - Sebastian Vettel, seu companheiro de equipe, terminou a prova em quarto.

"Eu dirigi no limite, mas não fomos rápidos o suficiente e foi isso. Eu fiz tudo que podia. Estou contente com a maneira como pilotei, mas estes caras (Lewis Hamilton e Fernando Alonso, respectivamente o vencedor e o segundo colocado) tiveram uma boa margem, especialmente no final dos ''stints''. Isso nos deixou expostos na estratégia", acrescentou Webber, que enfatizou sobre a Red Bull: "Sabemos que temos de melhorar e não podemos dar muito mais do que demos hoje (domingo)".

Com o resultado deste domingo, Webber ficou com 139 pontos no Mundial de F-1, ainda na vice-liderança do campeonato, mas agora tem apenas cinco pontos de vantagem sobre Hamilton e está nove à frente de Alonso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.