Webber renova com a Red Bull para próxima temporada

SPA - A Red Bull deu neste sábado um belo presente de aniversário para o australiano Mark Webber. O veterano, que completa 35 anos, renovou seu contrato com a equipe por mais uma temporada, permanecendo no cockpit da atual campeã mundial de construtores até o final de 2012. Desta forma, ele completará seis temporadas na escuderia.

AE, Agência Estado

27 de agosto de 2011 | 13h50

"Eu quero continuar correndo em alto nível na Fórmula 1 e não tive dúvidas em renovar com a Red Bull por mais um ano. Minha motivação para alcançar os melhores resultados possíveis, tanto para mim quanto para a equipe, é muito alto", afirmou o piloto australiano, que ganhou um bolo antes do treino classificatório para o GP da Bélgica, neste sábado, no qual ficou na terceira colocação.

Webber, que está em sua quinta temporada na Red Bull e conquistou seis vitórias pilotando pela equipe, falou sobre seu ânimo para continuar competindo. ""Nos últimos cinco anos, nós temos trabalhado duro e provado que podemos projetar e construir um carro competitivo e vencedor. Estou ansioso para colocar o carro e eu mesmo no limite novamente a cada fim de semana de corrida em 2012", garantiu.

O chefe de equipe da Red Bull, Christian Horner, revelou que a escuderia não pensou em trocar de pilotos para a próxima temporada. "Desde que nós começamos a falar sobre 2012, era imediatamente óbvio que o time e o Mark (Webber) desejavam continuar essa relação de sucesso", explicou o dirigente.

A Red Bull lidera com folga o Mundial de Construtores, com 383 pontos, contra apenas 280 da McLaren. Entre os pilotos, Webber só está atrás do seu companheiro Sebastian Vettel. Tem 149 pontos, contra 234 do alemão. O atual campeão da Fórmula 1 já está garantido na Red Bull em 2012.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Mark WebberGP da Bélgica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.