Williams anuncia Pat Symonds como diretor técnico

A Williams anunciou nesta terça-feira a contratação de Pat Symonds para ser seu diretor técnico, em substituição a Mike Coughlan, numa tentativa da equipe para se recuperar do péssimo início de temporada na Fórmula 1. Assim, Coughlan deixa a escuderia, que ainda não pontuou neste campeonato.

AE-AP, Agência Estado

16 de julho de 2013 | 08h48

Com experiência de mais de 30 anos na Fórmula 1, Symonds é uma esperança de Frank Williams para recuperar a sua equipe. "Suas capacidades técnicas e sucessos esportivos falam por si e tenho certeza de que seu conhecimento e liderança contribuirão consideravelmente para o sucesso que todos nós da Williams estamos trabalhando duro para alcançar", disse.

Symonds declarou que "as bases para o sucesso" já estão na equipe, que tem sua sede na cidade de Enstone, na Inglaterra. "A Williams é uma equipe repleta de sucesso e excelência em engenharia e me sinto honrado por ter sido convidado a ter um papel no retorno da equipe ao seu devido lugar no ápice da Formula 1", disse.

O novo diretor técnico da Williams faturou títulos na Fórmula 1 com Michael Schumacher, na Benetton, e Fernando Alonso, na Renault. Mas o britânico estava fora da categoria desde 2009, por causa de um controverso incidente quando era engenheiro-chefe da Renault - o brasileiro Nelsinho Piquet foi instruído a bater deliberadamente seu carro para ajudar Alonso, seu companheiro de equipe na Renault, que acabou vencendo o GP de Cingapura de 2008.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1WilliamsPat Symonds

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.