Williams pode substituir Ralf na Hungria

O comitê de apelação da FIA deverá decidir no dia 19 de agosto se acata ou não o recurso da Williams, que tenta suspender a punição imposta ao piloto Ralf Schumacher, considerado culpado pelo acidente registrado na largada do GP da Alemanha. Ralf alterou sua trajetória e provovou a colisão com o brasileiro Rubens Barrichello (Ferrari) e o filandês Kimi Raikkonen (McLaren). Os três abandonaram a prova e por ter sido considerado culpado, Ralf deverá perder 10 posições no grid de largada na próxima etapa, o GP da Hungria, dia 24 de agosto.Se a punição for mantida, especula-se que a Williams já estuda a possibilidade de substituir Ralf pelo piloto de provas da equipe, Marc Gene, já que a punição se restringe exclusivamente ao piloto e não à equipe.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.