FIVB/Divulgação
FIVB/Divulgação

Ágatha e Duda vão à final em etapa de Tóquio; Alison e Álvaro disputam o bronze

Dupla feminina vai enfrentar as norte-americanas Klineman/Ross pela sexta vez na decisão

Redação, Estadão Conteúdo

27 de julho de 2019 | 12h19

As brasileiras Ágatha e Duda passaram com êxito por uma maratona de jogos e avançaram à final da etapa de Tóquio do Circuito Mundial de Vôlei de Praia, no Japão. Elas venceram três rodadas eliminatórias seguidas neste sábado para alcançar a segunda disputa de medalha de ouro nesta temporada.

Na decisão, marcada para este domingo, às 6h20 (de Brasília), elas enfrentarão as norte-americanas Klineman/Ross. O duelo será o sexto da história entre as rivais. As norte-americanas levam a melhor, com três vitórias, contra duas da dupla do Brasil.

Para avançar até a final, Agatha e Duda despacharam superando as norte-americanas Larsen/Stockman nas oitavas de final, derrotaram outra dupla dos Estados Unidos nas quartas de final a tricampeã olímpica Walsh e sua parceira Sweat, e, na semifinal, no duelo mais fácil até aqui, superaram as canadenses Bansley e Wilkerson. Os três triunfos foram obtidos em sets diretos.

As outras quatro duplas do Brasil acabaram superadas nas oitavas de final. Ana Patrícia/Rebecca foi superada pelas canadenses Sarah Pavan/Melissa por 2 sets a 1 (19/21, 21/16, 16/14); Carol Solberg/Maria Elisa acabou sendo eliminada pelas norte-americanas Walsh/Sweat por 2 sets a 1 (15/21, 24/22, 15/13); Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ) caiu para Sude/Borger, da Alemanha, por 2 sets a 1 (14/21, 21/18, 15/10); e Talita/Taiana perdeu para as canadenses Bansley/Wilkerson por 2 sets a 0 (21/19, 21/19).

Disputa de bronze

No masculino, Alison e Álvaro disputarão o bronze. Os brasileiros eliminaram os compatriotas Evandro/Bruno nas quartas de final, com uma vitória por 2 sets a 1 (21/14, 16/21 e 16/14) e estiveram bem perto da vaga na decisão, mas sucumbiram após perderem para os alemães Ehlers/Flüggen de virada na semifinal.

Os alemães, que na fase anterior haviam eliminado André/George, saíram atrás e tiveram força para reagir. Depois de vencer o primeiro set, a dupla brasileiro viu os rivais crescerem na parcial seguinte e fechar o jogo em uma disputa muito apertada no tie break.

A disputa do bronze será na madrugada deste domingo, às 2h35 (de Brasília), contra os holandeses Brouwer e Meeuwsen, que foram derrotados pelos noruegueses Mol e Soru na outra semifinal. As duas duplas se enfrentaram uma vez anteriormente, na etapa de Itapema deste ano do Circuito Mundial, com vitória dos holandeses.

O torneio em Tóquio tem um formato particular por ser um evento-teste aos Jogos Olímpicos de 2020. Em uma etapa quatro estrelas usual, a fase de grupos é composta por 32 times divididos em oito grupos. Já na competição desta semana, apenas 24 duplas em cada gênero participam, divididas em seis chaves, como ocorre no evento olímpico. Além disso, em uma etapa normal, são dois jogos na primeira fase, contra três partidas no evento-teste.N

Tudo o que sabemos sobre:
vôlei de praia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.