Alemanha bate França e fica com o bronze no vôlei

Final do Mundial vai reunir, neste domingo, as seleções de Brasil e Polônia; seleção de Bernardinho busca o tetracampeonato

Estadão Conteúdo

21 de setembro de 2014 | 14h24

Antes da estreia do Brasil contra a Alemanha, o técnico Bernardinho pediu atenção com o rival, que era o adversário mais perigoso do grupo e poderia surpreender na competição. Experiente, o treinador brasileiro estava certo. Como quem não quer nada, o time alemão foi avançando até ficar com a medalha de bronze no Mundial Masculino de Vôlei, neste domingo.

Na decisão do terceiro lugar, confronto europeu entre Alemanha e França, com vitória germânica por 3 sets a 0, parciais de 25/21, 26/24 e 25/23. A medalha é a primeira dos alemães desde a reunificação. Antes, o último pódio havia sido em 1970, quando a Alemanha Oriental foi campeã. 

A final do Mundial vai reunir, neste domingo, as seleções de Brasil e Polônia. O time de Bernardinho vai atrás de um tetracampeonato mundial consecutivo. Ganhou também em 2002 (Argentina), 2006 (Japão) e 2010 (Itália).
Tudo o que sabemos sobre:
vôleiMundial de Vôlei

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.